terça-feira, 17 de agosto de 2010

Hérnia Umbilical...

Daí que eu sempre entro p/ postar alguma coisa, mas acabo desviando o caminho pq fico horas lendo os blogs que eu adoro. Aí fica tarde ou o Theo acorda ou milhares de outros motivos e... não posto! Hj Theo dormiu mais cedo, já li todos os blogs que eu acompanho (embora não tenha comentado neles), ainda está cedo e não estou com preguiça de postar no meu blog.

Tem um assunto que caiu no esquecimento e que, hoje, vendo algumas fotos dos álbuns que montei pro Theo, ele reapareceu. Lembrei o quanto quis falar sobre isso qdo aconteceu, melhor, qdo se resolveu. Mas aí tantas coisas novas foram acontecendo e, como eu disse, caiu no esquecimento.

Mas vamos lá!

O coto umbilical do Theo caiu aos 4 dias de vida. Nunca deu trabalho, nunca sangrou ou coisa parecida. Pensei: Que bom que é simples, pq dá mt nervoso mexer nisso! Fiz o que me foi recomendado, lavar o local c/ álcool 70% (apenas isso e nada mais além disso!) pelo menos 3 vez ao dia. E assim o fiz! E foi ótimo pq rapidinho secou e caiu.

Os dias passaram e eu comecei a reparar q o umbiguinho do Theo não "entrava". E tanto o meu, qto o do Dudu, são p/ dentro (caso fosse pensar geneticamente). Enfim... Continuei de olho! Theo sempre chorou muito (principalmente até os 3 meses) por causa das crises de cólica terríveis que ele teve. E qdo ele chorava, o umbiguinho ficava inchadinho e bemmm protuberante. A "gota d'água" foi o dia do Teste do Pezinho. Theo chorou por quase 30 minutos seguidos, s/ parar nenhuma vez, e muito forte, muito berro mesmo! No final daquele dia, eu percebi que o umbigo estava ainda mais "p/ fora". A pediatra dele me disse que era normal, mas eu não achava aquilo normal! Ela me explicou que o local onde ficava o cordão umbilical, depois que ele caiu, se transforma em um anel. Esse anel se fecha nos primeiros meses de vida do bebê. No caso do Theo e de mts outros bebês, o intestino (que está ali pertinho) se aproveitou daquele espacinho e o ocupou (isso é chamado de hérnia umbilical). Ela me ensinou a fazer uma "ginástica" bem levinha com as perninhas do Theo p/ fortalecer a parede abdominal dele e, com isso, o tal anel fechar mais rápido. Ela disse que, provavelmente, até os 6 meses de vida do Theo, a hérnia regrediria normalmente, sozinha.

28 dias...

1 mês e 22 dias...
1 mês e 22 dias...

2 meses e 8 dias...

3 meses e 6 dias...

5 meses e 14 dias...

7 meses...
Mais tempo passou e, como eu via todos os dias, acabei me acostumando àquilo. Mas quem não via com freqüência, reparava de um jeito diferente de mim. E isso me incomodava MUITO. Era feinho e o olhar das pessoas (+ as perguntas) tornavam tudo pior p/ mim. O tamanho só aumentava... Minha avó, na época, tinha uma empregada (Tininha) q me contou a trágica história da filha dela (Jéssica). Bom, a Jéssica teve uma Hérnia que não regrediu e, aos 2 aninhos ela teve que operá-la. Mas a parte mais forte da história foi a Tininha ter me dito que a médica da filha, na época, disse que era tão perigoso que se a garota tomasse um tombinho poderia ser fatal! Vcs tem noção do que uma frase assim representa na vida de uma mãe de 1ª viagem??? Até p/ pegar o Theo eu redobrava os cuidados depois de ouvir essa história. E, p/ completar, eu não via nenhuma regressão e acabei fazendo a MAIOR MERDA (a meu ver) como mãe. Foi minha única merda grande, como mãe. Sabe aquele Pé na Jaca??? Pois é... Fiz!

Colei meu filho c/ esparadrapo micropore! Enrolei uma gaze, enfiei a hérnia p/ dentro e tampei c/ micropore. Sei lá o que eu pensei na hora... Talvez que assim ele fosse estar seguro, ou que a hora que eu tirasse a hérnia teria se resolvido... Não sei! Só sei que fiz e fui p/ pediatra c/ ele assim.

Chegando lá, contei a história da empregada (que já estava martelando na minha cabeça há tempos) e a minha "solução" p/ aquilo! Tenho vergonha de relembrar isso!! Tadinha da Lu (pediatra do Theo)... Com toda a paciência do mundo, ela tentou me acalmar qto a tal "história" da empregada e me ajudou a tirar a minha "arte" do Theo. Tive que colocá-lo p/ mamar no peito enquanto ela usava um removedor e tirava o esparadrapo do Theo. Ele ficou toooodo vermelho. Me culpei tannnnnnnnnnnnnnto!!

Vcs pensam que acabou??? Não!!

Fui p/ casa, já era tarde, e resolvi dar um banho nele antes de fazê-lo dormir. Qdo tentei tirar o body que ele estava usando, não consegui. :o( Sobrou cola do espadrapo nele e grudou no body! Que desespero que me deu. Chamei o Dudu p/ me ajudar. Resolvemos colocá-lo de roupa na banheira c/ água morninha e esperar p/ ver se ia soltando aos poucos. Graças a Deus deu certo e eu consegui tirar o body. Theo ficou todo assadinho na barriguinha e resolvi usar pomada anti-assadura p/ ver se ajudava a aliviar. E melhorou em 2 dias.

O que eu tirei de lição? Além do óbvio, percebi que tudo isso me ajudou a desencanar c/ a história da hérnia. Percebi que ouvir histórias, dar ouvidos às opiniões (diferentes da pediatra) e me desesperar, só refletiam coisas ruins... pro Theo! Foi tão bom o susto que essa jacada me rendeu, que passei a aceitar a hérnia. Como a pediatra havia me avisado, ela regrediu SIM sozinha, de repente, e antes dos 6 meses. Hoje meu filho tem o umbigo mais lindo do mundo e eu tenho uma experiência p/ contar!

Se vc passou por isso, passa ou ainda vai passar: NÃO SE DESESPERE!!! É normal!! E é raro que o caso evolua de forma negativa e precise de cirurgia. ;o)

Hoje eu sei...

Beijinhos,
Bibi

19 comentários:

Sandrinha disse...

Nossa,Bibi,q sufoco!
Ainda bem q deu td certo.
E o Theo tá lindo e com saúde.
É sempre bom podermos aprender, com certas situações q passamos.
Assim ficamos mais expertas e atentas.E passamos a ouvir nossa intuição de mãe.
Bjks!!!

efilipe disse...

Você tem um menino lindo e ainda bem que aprendeu com a lição. Inventar nunca foi boa técnica. Já tenho visto cada coisa mais parva que às vezes me pergunto onde as pessoas têm a cabeça. Afinal de contas, a cabeça não está lá. Só o coração que quer resolver tudo na hora e ver o problema soluccionado.

Beijos e não se culpe porque todos fazemos asneiras. Somos humanos, não é?

doiscontigo.blogspot.com

efilipe disse...

Você tem um menino lindo e ainda bem que aprendeu com a lição. Inventar nunca foi boa técnica. Já tenho visto cada coisa mais parva que às vezes me pergunto onde as pessoas têm a cabeça. Afinal de contas, a cabeça não está lá. Só o coração que quer resolver tudo na hora e ver o problema soluccionado.

Beijos e não se culpe porque todos fazemos asneiras. Somos humanos, não é?

doiscontigo.blogspot.com

efilipe disse...

Você tem um menino lindo e ainda bem que aprendeu com a lição. Inventar nunca foi boa técnica. Já tenho visto cada coisa mais parva que às vezes me pergunto onde as pessoas têm a cabeça. Afinal de contas, a cabeça não está lá. Só o coração que quer resolver tudo na hora e ver o problema soluccionado.

Beijos e não se culpe porque todos fazemos asneiras. Somos humanos, não é?

doiscontigo.blogspot.com

efilipe disse...

Você tem um menino lindo e ainda bem que aprendeu com a lição. Inventar nunca foi boa técnica. Já tenho visto cada coisa mais parva que às vezes me pergunto onde as pessoas têm a cabeça. Afinal de contas, a cabeça não está lá. Só o coração que quer resolver tudo na hora e ver o problema soluccionado.

Beijos e não se culpe porque todos fazemos asneiras. Somos humanos, não é?

doiscontigo.blogspot.com

Patrícia Branco disse...

Amigaaaa eu sei bem como é isso sim... Maria Eduarda por conta do refluxo vomitava muito muito muito e a força era bem grande toda vez que vomitava e o umbigo tbm começou a ficar pra fora.... Contrário da sua pediatra, meu pai mandou eu encapar um botão e cortar um pedacinho de esparadrapo micropore colocar o botão no umbigo e colar o esparadrapo (cortei o tamanho suficiente que desse pra fixar o botão apertado no umbigo, ficou apenas um pedacinho pra cada lado), e trocava uma vez por dia quando fosse dar banho, meu pai me ensinou a tirar, eu passava óléo jhonson no esparadrapo e ia tirando bem devagar, ME nem sentia... o umbigo dela estaba bem pior do que do Theo amiga, bem pior messsmooo, no entando que quando ela foi internada por causa da perda de peso por conta do refluxo o cirurgião infantil que passou a pedido do meu pai para examiná-la disse que provavelmente e hérnia umbilical dela não iria regredir, com uma chance enorme de uma cirurgia mais pra frente, quase morri!!! Mas hj o umbigo dela ficou bonitinho, não tão perfeito quanto do Theo, mas acho que a cirurgia será descartada... meu pai disse que até os 4 anos de idade o umbiguinho dela vai estar perfeitinho... assim seja rsrsrs!!!

Beijosssssssssssssss

Marcelly disse...

Nossa q barra q vc passou hein amiga ?
Ufa, ainda bem q tá tudo certinho e a hérnia do Theo regrediu, rs !
Bjs !

Nágela disse...

Olá Bibi, acompanho o seu blog e adoro!! Você sempre posta assuntos super interessantes e dicas preciosas para o nosso dia-a-dia! Parabéns!
Bom, a respeito desse assunto, passei a mesma coisa com o Pedro, que hoje tem 7 meses. Ele teve cólicas fortes até os 2 meses e a força que ele fazia deixava o umbigo saliente. Fui em vários médicos e todos disseram que era normal e sairia logo. O mais difícil são (como você descreveu) as pessoas que vêem e fazem comentários desnecessários e que acabam assustando a gente. A hérnia do Pedro regrediu logo com 4 meses.
Só quis deixar a minha experiência também se tiver alguma mamãe (como nós) desesperada, fique tranquila!!!
Obrigada pela delícia de blog Bibi
Beijos,
Nágela

Julie disse...

Nossa Bih, que coisa! E não é que entrou mesmo! Não adianta ouvir pessoas por aí, né?!

Bjs

Marcinha disse...

Eu tive ou tenho sei la a tal da hernia e não melhorou ao sei meses não meu umbigo é um pouco não muito pra fora quando era menor tipo uns sete anos era bem maior mas o médico aconselhou minha mãe há ñ operar já que não me afetava em nada pois ñ era muito protuberante mais isso atrapalhou e muito minha adolescencia pois tinha muita vergonha do meu umbigo, hoje éle não e grande esta até fundo mas as vezes inflama e fica bem dolorido.Que bom que o do Theo melhorou e ficou normal, pois quando temos algo diferente dos outros sofremos muito.bjus

Anônimo disse...

Olá Bibi..estava procurando coisas para meu noivado e achei seu blog!
Muito interessantes suas informações sobre casamento!!! Estou adorando ler!!!!rs
Ahhh seu baby é LINDOOOO!!!!!!
bjossss

Amandynha!

Juh** disse...

Nossa! Eu imagino seu desespero, e fico feliz que no fim tudo deu certo!!
bjocas

Bia disse...

Ai amiga, o que passa na cabeça da gente nessas horas, né?
Pode ter certeza que toda mae ja fez uma mancada dessas e até bem pior. A gente MORRE de remorso depois e fica se culpando, culpando, culpando...
Aliás, culpa e maternidade andam juntas, né? A gente se culpa por tudo (eu pelo menos)!

Mas pode ter certeza que vc sofreu bem mais do que ele, rs...
E que bom que voltou sozinho, né? Ele realmente tem o umbiguinho lindo!

Beijos

Deyse disse...

ola amiga >.<
olha estou bem tranquila agora ,na verdade é o seguinte meu bebe o Dean ele nasceu de 35 semaninhas e era muito chorao, chorava até dizer chega na u.T.i...enfim tambem esta com uma erniazinha identica as do Theo nas fotinhas eu ja tentei de tudo tentando por pra dentro tambm na mesma jaca que voce ^^. mas pelas fotos e ao ver que meu bebe esta tendo o mesmo progresso vou ficar tranquila cuidar e esperar ^^...seu filho é lindo e o umbiguinho dele é muito charmoso :)
mas confesso ainda ter uma serta insegurança ;/...de toda forma obrigada pelo blog me ajudou bastante ^^bj

Fabiana Ribeiro disse...

Caramba! Eu estou preocupada, pois o meu bebê nasceu prematuro e seu coto caiu na UTI, com 4 dias de vida. Quando ele veio pra casa já estava com 1 mês e eu não precisei nem fazer uso do álcool 70%. Só que de uns dias pra cá venho observando que seu umbiguinho é meio saltado, e quando ele chora fica beeeem protuberante, e se eu coloco o dedo faz um barulhinho. A próxima consulta dele é no sábado que vem, mas agora eu me tranquilizei lendo sua história. O ruim é todo mundo perguntando pq o umbigo dele é assim...

Bibi Elias disse...

Fabiana, é assim mesmo. Esse barulhinho o do Theo tb fazia! E as perguntas são um saco mesmo! Diga a verdade, é hérnia. Mas fica tranquila que, se Deus quiser, será como a do Theo e se resolverá sozinha!! ;)
Beijos

debora disse...

nossa que bom que foi ler esse relato, meu bebe tem dois meses e assim exatamente como o theo ele tem uma hernia, é muito chato as pessoas ficam falando pra botar "isso" ou fazer "aquilo", hoje de tanta insistencia eu comprei um esparadrapo mais ainda bem que nao coloquei rsrsrs. parabens o Théo é lindo e o umbiguinho dele tbm hehe.

Bakprint disse...

Ainda bem que Deu tudo certoh,, tenho uma filhota de 2 meses que esta com o mesmo sintomas... mais a pediatra dela falou que era normal que nao ficasse preocupado nao... tudo bem.. quando cheguei em casa fui pesquisar... pai de primeira viagem ja viu neh? entao achei seu bloog...

Ana disse...

Oi, encontrei seu blog procurando informações sobre hernia umbilical. Tenho uma bebe de três meses e ela nasceu com uma hernia bem grande.
Me parece que está diminuindo mas quando ela chora ou faz força ela fica estufada do mesmo tamanho de antes. Quando ela está calma fica bem menor. Seu filho tb foi assim até sumir de vez? Pq parece que ela está menor mas ainda estufa muito.